Menu fechado

NOTA AO PRESIDENTE DOS ESTADOS UNIDOS DA AMÉRICA, JOE BIDEN, PELA NOMEAÇÃO DA DRA. RACHEL LEVINE E DEMAIS MEMBROS LGBTI+ DO STAFF DO SEU GOVERNO

NOTA OFICIAL DA ALIANÇA NACIONAL LGBTI+

Os tempos permanecem sombrios, enfrentamos uma grave pandemia com indicadores de perdas assustadoramente altos, e ainda em alguns países pode-se ver a inércia e incompetência para gestão e enfrentamento deste momento sensível. No entanto, ainda existem momentos a serem comemorados e reconhecidos diante de tantos desafios.

Recebemos com muita alegria a notícia que presidente norte-americano, Joe Biden, nomeou Rachel Levine, mulher Trans, para ser Secretária Assistente no Departamento de Saúde e Serviços Humanos (HHS) dos Estados Unidos.

“A doutora Rachel Levine trará a liderança estável e a experiência essencial de que precisamos para ajudar as pessoas a superar esta pandemia, não importa qual é seu código postal, raça, religião, orientação sexual, identidade de gênero ou deficiência, atenderá às necessidades de saúde pública de nosso país neste período crítico momento.” “Ela é uma escolha histórica e profundamente qualificada para ajuda a liderar os esforços de saúde de nossa administração” – afirmou Biden.

Tais atitudes vão muito além do âmbito político local, representam um exemplo grandioso a ser seguido por demais nações, contribuindo para o fim de um ciclo de grave apagamento social da população Trans. Nomeações como esta mostram que um governante deve adotar para si a compreensão de que o profissionalismo deve ser levado como cerne em suas decisões.

Importante salientar que neste novo governo Biden Harris, fora também nomeado Jeff Marootian homem assumidamente gay para ocupar o cargo de Assistente Especial do Presidente sobre clima e ciência. Marootian já exerceu o cargo de diretor de Transportes em Washington D.C desde 2017, se destacando por ajudar as empresas a sobreviverem durante a pandemia do coronavírus.

Destaca-se assim a importância do novo governo norte-americano que reafirma sua postura de defesa da igualdade para com todos os americanos, declarando em seus posicionamentos públicos seu real compromisso com o combate a toda e qualquer forma de preconceito.

A perseguição à população trans norte-americana e a alta taxa de assassinatos elevou os EUA ao patamar de um país que mais mata mulheres transexuais negras e latinas, sendo essencial para a construção de uma nação mais justa e igualitária, garantidora dos direitos humanos, a presença de um governo como o atual.

Neste ínterim a Aliança Nacional LGBTI+, entidade que segue em defesa do ser humano de forma integral, na busca pela garantia dos direitos de todos e todas, parabeniza o Presidente norte-americano Joe Biden por sua postura humanizada e resiliência no combate aos extremistas, que tenha assim um mandato profícuo, repleto de êxitos!

Colocamo-nos assim à inteira disposição para contribuirmos com a construção de um mundo mais justo, inclusivo, igualitário, sem quaisquer sombras de preconceito.

22 de janeiro de 2021

Toni Reis
Diretor Presidente da Aliança Nacional LGBTI+

Rafaelly Wiest
Diretora Administrativa da Aliança Nacional LGBTI+

Patrícia Mannaro
Secretária Geral da Aliança Nacional LGBTI+

Cláudio Nascimento
Diretor de Políticas Públicas – Aliança Nacional LGBTI+

Gregory Rodrigues Roque de Souza
Coordenador de Comunicação da Aliança Nacional LGBTI+
Coordenador Titular da Aliança Nacional LGBTI+ em Minas Gerais

Robson Sangalo
Coordenador Adjunto de Comunicação da Aliança Nacional LGBTI+

Layza Lima
Coordenadora Titular da Aliança Nacional LGBTI+ no Espírito Santo

Lana Larrá
1ª Coordenadora Adjunta da Aliança Nacional LGBTI+ no Pará

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *