Menu fechado

NOTA OFICIAL DA ALIANÇA NACIONAL LGBTI+ DE REPÚDIO E PEDIDO DE TOMADA DE PROVIDÊNCIAS CONTRA O PRESIDENTE DA EMBRATUR

As liberdades individuais e o estado democrático de direito seguem sendo ameaçados nos últimos tempos pelas mais variadas instâncias do governo que segue à frente das instituições do país. Na passada quarta feira, 24 de junho de 2020, foi a vez do presidente da Embratur, Gilson Machado, tecer comentários de cunho homofóbico durante uma live cujo tema era: “Direito à vida e dignidade”.

https://veja.abril.com.br/blog/radar/presidente-da-embratur-ataca-gays-nada-contra-quem-usa-orificio-rugoso/

Dentre as pautas que circundaram o debate estiveram presentes assuntos como pedofilia e até prostituição. No entanto, Gilson Machado decidiu expressar sua opinião sobre uma peça teatral, “O Evangelho segundo Jesus, Rainha do Céu”, peça esta que fora encenada em diversos estados da federação nos últimos anos.

A peça em questão coloca em discussão uma representação de como seria se Jesus voltasse à terra como uma transexual, que é interpretado pela atriz e ativista santista Renata Carvalho, que desperta a fúria dos setores conservadores de todos os lugares onde é apresentada.

Tal tema ao ser trazido à baila no então debate, serviu para que o presidente da Embratur cometesse uma atitude criminosa ao destilar todo seu preconceito contra a comunidade LGBTI+, mais uma vez misturando política e religião. O que demonstra, definitivamente, além de tudo, a inabilidade do gestor, é o fato de que a referida comunidade é considerada uma das que mais movimenta o setor representado pelo mesmo, chegando a casa dos 10% de viajantes no mundo.

O raciocínio de Gilson Machado foi exatamente o seguinte:

“Essa linha foi rompida, porque querer impor sua sexualidade perante a grande maioria de cristãos brasileiros é abominável. E, outra coisa: eu não tenho nada contra quem usa seu orifício rugoso infra-lombar para fazer sexo. Mas querer impor a sexualidade a uma grande maioria de cristãos e querer desvirtuar a forma que Jesus Cristo veio à Terra… Está escrito na Bíblia: Jesus Cristo nasceu, cresceu, foi crucificado e ressuscitou em forma de homem. Maria, sim, essa foi uma grande mulher, que acompanhou todo seu sofrimento”

Mesmo que tendo sido considerada um “desabafo” por muitos, a liberdade de expressão não é salvo conduto para que quaisquer pessoas transponham a linha do respeito e da dignidade da pessoa humana, não é ponto de apoio para justificar ofensas a quem quer que seja, e muito menos o caráter religioso da questão pode ser usado como escudo para tentar minimizar posicionamentos LGBTIfóbicos.

É mister deixar claro que tais atitudes são consideradas crime, de acordo com a decisão em 13/06/2019, da mais alta corte de justiça do país, o Supremo Tribunal Federal (STF), crime este inafiançável e imprescritível. E seguindo esta mesma linha de pensamento não podemos jamais admitir que aqueles que mesmo infelizmente estando à frente das instituições do país, não sofram as consequências de suas falas e ações.

Neste ínterim, a Aliança Nacional LGBTI+ manifesta seu profundo e mais veemente repúdio a fala proferida pelo Presidente da Embratur, e considera sua atitude incompatível com a postura de alguém que deveria garantir a inclusão de todos e todas nas políticas e ações do órgão que está sob sua gestão. Em tempo que, ainda, manifesta mais sua vez sua solidariedade à atriz Renata Carvalho, que mais uma vez teve seu corpo trans violado, por uma interpretação fundamentalista, em um contexto de reflexão cultural.

A Aliança Nacional LGBTI+ informa também que tomará todas as medidas cabíveis para responsabilizar o gestor público Gilson Machado, atual presidente a autarquia especial vinculado ao Ministério do Turismo, apresentando Representação Criminal e Ação Civil Publica, a fim de que seja responsabilizado pela integralidade de suas manifestações.

25 de junho de 2020

Toni Reis
Diretor Presidente da Aliança Nacional LGBTI+

Pr. Gregory Rodrigues Roque de Souza
Coordenador Estadual da Aliança Nacional LGBTI+ em MG
Coordenador Nacional de Notas e Moções da Aliança Nacional LGBTI+

Ricardo Gomes
Coordenador Nacional da Área de Turismo da Aliança Nacional LGBTI+

Marcel Jeronymo Lima Oliveira
Coordenador da Área Jurídica da Aliança Nacional LGBTI+
OAB/PB 15.285 – OAB/PR 100.312

Maurício Rezende
Bentivenha Advocacia Social – OAB/PR 5.233

#

Sobre a Aliança Nacional LGBTI+ – A Aliança Nacional LGBTI+ é uma organização da sociedade civil sem fins lucrativos, com representação em todas as 27 Unidades da Federação e representações em mais de 150 municípios brasileiros. Possui 47 áreas temáticas e específicas de discussão e atuação. Tem com missão a promoção e defesa dos direitos humanos e da cidadania da comunidade brasileira de lésbicas, gays, bissexuais, travestis, transexuais e intersexuais (LGBTI+) através de parcerias com pessoas físicas e jurídicas. A Aliança é colaboradora do Fórum de Empresas e Direitos LGBTI+. É pluripartidária e atualmente tem mais de 1000 pessoas físicas afiliadas. Destas, 47% são afiliadas a partidos políticos, com representação de 27 dos 33 partidos atualmente existentes no Brasil. http://aliancalgbti.org.br/ Conheça a Central de Denúncias LGBTI+ https://bit.ly/2vRiXyr

Nota publicada em 25/06/2020.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *