Menu fechado

NOTA OFICIAL DA ALIANÇA NACIONAL LGBTI+ DE CONGRATULAÇÃO À SUPREMA CORTE DOS EUA PELA PROIBIÇÃO DA DISCRIMINAÇÃO DE PESSOAS LGBTI+ NO LOCAL DE TRABALHO

No dia 15 de junho de 2020 a Suprema Corte dos Estados Unidos decidiu que as pessoas LGBTI+ têm o direito de não sofrer discriminação no ambiente de trabalho em razão de sua orientação sexual ou identidade de gênero. A decisão é considerada uma das maiores vitórias da sociedade americana no campo dos direitos LGBTI+, comparável à legalização do casamento de pessoas do mesmo sexo, decidida em 2015 pelo mesmo tribunal.

A decisão é importante pois, ainda hoje muitas pessoas LGBTI+ sofrem discriminação no ambiente de trabalho. Segundo pesquisa realizada pela plataforma de empregabilidade LinkedIn em todo o território brasileiro, 35% das pessoas LGBTI+ já sofreram alguma forma de discriminação no ambiente de trabalho.

Confira a nota completa abaixo. Publicada em 17/06/2020.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *