Menu fechado

NOTA DE SOLIDARIEDADE À LARISSA BELLUCI SANTOS DIANTE DA AGRESSÃO DA QUAL FOI VÍTIMA EM SALVADOR, BAHIA.

NOTA OFICIAL DA ALIANÇA NACIONAL LGBTI+

Em um desentendimento com um motoqueiro operador de mototáxi, Larissa Belluci Santos foi agredida a socos e tapas desferidos pelo motoqueiro em via pública na cidade de Salvador. O acontecimento foi registrado por passantes com celular. A brutalidade da cena não causou maior dano porque a vítima tentou se defender e se afastar do agressor e ainda contou com a interferência de um passante que tentou dissuadir o motoqueiro de sua conduta violenta.

A violência contra a mulher trans infelizmente é uma realidade comum no Brasil, que ainda segue como país que mais mata pessoas trans no mundo, de acordo com a Associação Nacional de Travestis e Transexuais (ANTRA). É necessário combater de forma preventiva a violência, bem como garantir a punição dos crimes.

A Aliança Nacional LGBTI+ se solidariza com Larissa nesse momento triste e delicado de sua vida. Já tendo sido aberto o BO, esperamos que o poder público do estado da Bahia haja com celeridade na investigação e conclusão desse caso, comprovando seu comprometimento com a segurança da população e com a garantia de direitos das mulheres trans na Cidade de Salvador e no Estado da Bahia.

19 de setembro de 2020

Toni Reis
Diretor Presidente da Aliança Nacional LGBTI+

Gregory Rodrigues Roque de Souza
Coordenador Titular da Aliança Nacional LGBTI+ em Minas Gerais
Coordenador Nacional de Notas e Moções da Aliança Nacional LGBTI+

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *